/Goreme é um paraíso de pedras na Turquia e inspirou Star Wars
Goreme - Turquia

Goreme é um paraíso de pedras na Turquia e inspirou Star Wars

Ao contrário do que muitos pensam, Capadócia não é uma cidade, e sim uma região na parte asiática da Turquia, que inclui diversas cidades, dentre elas a mais famosa, a pequena Goreme, com cerca de 2.500 habitantes. O local, cheio de casas formadas em pedras, serviu de inspiração para George Lucas ambientar os planetas de Star Wars – Episódio IV. O criador da saga intergalática não filmou lá porque não chegou a um acordo com o governo local.

E para quem pensa em fazer peregrinações buscando locais sagrados pelos quais passou São Jorge, pode esquecer. A região não contém nenhum vestígio do nascimento dele. Na verdade, o turismo de lá nem se utiliza disso para atrair visitantes. O que atrai os turistas é o passeio de balão.

Mais Turquia: Conheça Istambul e surpreenda-se com a locação do filme Inferno

A cidade tem mais de 20 empresas que fazem o passeio. No próprio hotel, o viajante pode escolher uma delas e se preparar para madrugar. O dia começa às 5h, com a chegada da equipe que vai levar o turista até a região onde os balões decolam. Um café da manhã com biscoitos e sucos está à espera. Após o desjejum, é hora de subir no veículo e procurar o melhor lugar para ficar. Depois, basta apreciar a bela vista da região.

O passeio dura cerca de 1h30, dependendo do clima e da força do vento. Como é no início da manhã, o turista tem o privilégio de assistir ao nascer do sol de um lado e a lua se pondo do outro. O piloto do balão sobrevoa os principais pontos da região como o Museu à Ceu Aberto e os três grandes castelos construídos em cavernas – que se comunicavam com sinais de fumaça. As formações rochosas também são explicadas, tudo em inglês. É impossível não se emocionar com o passeio e a bela vista.

Outros passeios

Para ver tudo que Goreme tem, três noites é o suficiente. Existem três passeios oficiais na cidade, dois duram o dia inteiro. O passeio pelo Vale Rosa (10 TL, aproximadamente 10 reais) é o único feito só à tarde, para aproveitar o pôr-do-sol. O turista é levado até uma área com pedras rosadas formadas pela água que passava por ali há séculos.

Goreme - Turquia
Vista aérea da cidade a partir do voo do balão – Foto: Bruno Porciuncula

Um dos passeios diários é o Red Tour (80 Liras Turcas – TL), que passa por sete lugares, dentre eles, o Museu a Céu Aberto, onde capelas encravadas nas pedras são visitadas; o Vale da Imaginação, no qual o visitante poderá encontrar formações rochosas formando o chapéu de Napoleão e um camelo; e Ávanos, região na qual está localizada uma fabrica de cerâmicas – e o turista aprende a fazer um pote de barro.

Goreme - Turquia
É possível relaxar com um belo visual

No Green Tour (90 TL), não há como não se surpreender com a Cidade Subterrânea, local a 85m de profundidade onde os habitantes da região ficavam por meses quando eram atacados ou durante o inverno. O turista também visita o Vale Ihlara, o segundo maior canyon do mundo.

São quase 5 km de caminhada, com parada para almoço, e vistas surpreendentes de buracos, como se fossem janelas, em paredes de pedras a 30 metros de altura. A Vila de Yaprakhisar é formada por cavernas e serviu de inspiração para a paisagem do filme Guerra nas Estrelas.

Goreme - Turquia
Janelas dentro de pedras em Goreme – Foto: Bruno Porciuncula

Dicas

Como chegar: há voos diários de Istambul para Nevsehir, cidade mais próxima de Goreme com aeroporto. A maior parte dos hotéis possui motoristas para pegar os turistas. A duração de viagem de lá até goreme é cerca de 40 minutos. A passagem aérea custa R$ 1.100.

Onde ficar: a cidade tem uma grande rede hoteleira, a maioria em cavernas. O Travellers Cave Hotel é uma ótima opção. O staff é cuidadoso e dá todas as explicações sobre os passeios. A diária custa, em média, R$ 170.

Exercício físico: os lugares históricos são visitados a pé e exigem subidas e descidas em pedras, além de contorcionismo para entrar em portas do tamanho de uma criança de 10 anos. O turista deve levar um calçado confortável e ter bom preparo físico.