/Aberta a temporada de cruzeiros no Brasil
Cruzeiro

Aberta a temporada de cruzeiros no Brasil

Final de novembro começa a temporada de cruzeiros no Brasil. São milhares de turistas que chegam – e partem – a diversas cidades costeiras brasileiras e sul-americanas.

Por Bruno Porciuncula

O período da temporada, que se estende até meados de março, quando os navios retornam para a Europa, se deve por conta do verão, que deixa a água das baías mais calmas e melhor para navegar.

Os roteiros mais procurados são os que passam por Búzios, no Rio de Janeiro, e Ilhabela, em São Paulo. “Mas os brasileiros adoram aproveitar o custo benefício dos navios para fazer um passeio pela América do Sul, indo até a Argentina e Uruguai”, revela Jaine Borges, consultora de viagens da Tessatour.

O MSC Preziosa será o primeiro a chegar ao país, no dia 19 de novembro. Seus roteiros, com saídas a partir do porto de Santos, serão alternados entre minicruzeiros pelo Sudeste e Sul – com paradas em Búzios, Ilha Grande, Ilhabela, Balneário Camboriú e Porto Belo, e pelo Nordeste, com escalas em Salvador e Ilhéus. Também há roteiros que partem de Salvador, Santos e outras cidades.

Custos

A vantagem de viajar por um cruzeiro é que se paga um único valor para ter todos os serviços de hospedagem, alimentação, transporte e, em alguns casos passeios. É possível conhecer diversas cidades em uma rota sem se preocupar com alimentação ou ficar andando por aí com uma mala.

Para isso, o viajante pode desembolsar a partir de R$ 2.500 por pessoa nos mini cruzeiros, de 3 noites, ou em torno de R$ 3.500 por pessoa nos embarques para 7 noites. No período de Natal, Réveillon e Carnaval, há um reajuste nos valores.

Apesar da crise, não houve uma retração entre a procura do ano passado com esse ano. “A maioria dos brasileiros não gosta de programar a viagem com muita antecedência, deixa mais para próximo da viagem mesmo”, afirma Jaine.

Público

Há cruzeiros de todos os tipos e temas no Brasil. Há opções para os dançarinos, que contam com aulas de Carlinho de Jesus durante o trajeto; para os idosos, com atividades compatíveis com a terceira idade; com cantores sertanejos, só com jovens e, claro um especial no Carnaval. Tem até um Cruzeiro Fitness com 150 aulas durante 7 dias de cruzeiro, incluindo atividades de alta intensidade como zumba, spinning, hip hop e kangoo jumps.

Mas o público que mais viaja de cruzeiro é o que gosta de reunir a família. “Elas gostam da praticidade de levar a família toda junta e conhecer vários lugares ao mesmo tempo”, diz Jaine.

Leia mais:

– Dicas para viajar em um cruzeiro marítimo

– Harmony of the Seas é uma “ilha flutuante”

TAGS: