/Locação de “A Praia” será fechada
Maya_Bay

Locação de “A Praia” será fechada

Autoridades tailandêsas vão fechar a praia famosa por ter sido locação do filme “A Praia”, com Leonardo DiCaprio, graças à quantidade de turistas que têm lotado o local e prejudicado a fauna e flora da região.

Localizada em Maya Bay, na ilha de Koh Phi Phi Leh, a praia vai ficar fechada por quatro meses, todo ano, a partir de junho, para permitir que os recifes de corais e a vida marinha da região sejam recuperadas.

>> CONHEÇA O MAIOR NAVIO DO MUNDO

“É como se a praia fosse alguém que tivesse trabalhado há décadas e nunca parado. Sem o descanso, a beleza foi embora. Nós precisamos dar um descanso para a praia”, afirmou o cientista marinho Thon Thamrongnawasawat ao jornal The Guardian.

“Se você me perguntar se é muito tarde para salvar a ilha, a resposta é não. Mas se não fizermos algo logo, aí sim será tarde demais”, afirmou Thanya Netithammakum, da Comissão de Parques Nacionais da Tailândia.

>> VEJA 11 EXPERIÊNCIAS INCRÍVEIS NA DISNEY

A região, que recebia 10 milhões de visitantes por ano, em 1999, antes da estreia do filme, recebeu, só ano passado, 35 milhões. São 200 barcos e 4 mil turistas por dia.

Quando for reaberta, a praia vai permitir a entrada de 2 mil turistas por dia e os barcos vão ter que ficar ancorados em piers flutuantes.

Resolução deu certo

Desde 2016, o governo da Tailândia têm fechado outras regiões como a de Maya Bay, que tem sido destruída pelo excesso de turistas.

Uma delas foi Koh Yoog, nas ilhas Phi Phi, e Koh Tachai, nas ilhas Similan. Os locais já estavam com um ambiente desolador na vida marinha, mas os corais ganharam cores e vida quando as regiões tiveram diminuído o fluxo de turistas.

>> DESTINOS PERFEITOS PARA CHOCOLÁTRAS

“Sempre sonhei que um dia poderíamos trabalhar para trazê-la de volta à vida. Eu tenho acompanhado e trabalhado em Maya Bay por mais de 30 anos. Eu tinha visto quando era um paraíso e vejo quando não tem mais nada. Qualquer coisa que possamos fazer para trazer esse paraíso de volta à Tailândia é o sonho de um biólogo marinho”, disse Thon.